Pub

De acordo com o Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro, a queda do cabo ocorreu ao início da tarde, provocada pelos ventos fortes que fustigaram a região, e obrigou ao fecho do trânsito durante algumas horas nos dois sentidos".

Segundo a proteção civil distrital, os ventos fortes provocaram a queda de árvores e estruturas, e pequenas inundações, um pouco por todo o Algarve, "mas não há registo de danos em pessoas".

No Algarve foram registadas um total de 190 ocorrências, em que estiveram empenhados 556 operacionais dos bombeiros, GNR, PSP e Proteção Civil, apoiados por 240 veículos.

Lusa

Pub