Inicio | Sociedade | Ministério Público de Faro ordenou detenção de mulher que angariou dinheiro com falso cancro

Ministério Público de Faro ordenou detenção de mulher que angariou dinheiro com falso cancro

O Ministério Público de Faro ordenou na terça-feira detenção de uma mulher suspeita de, ao longo de anos, ter angariado dinheiro com a falsa alegação de ter uma doença oncológica, informou aquele organismo.

A mulher, que pode vir a ser indiciada pelo crime de burla qualificada, alegava que precisava do dinheiro para fazer os tratamentos, lê-se no comunicado publicado na página da Procuradoria da Comarca de Faro.

O inquérito é dirigido pela secção de Albufeira do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Faro e coadjuvado pela GNR.

A detida será apresentada ao juiz de instrução competente, para interrogatório e aplicação de medidas de coação.

Verifique também

Despiste de motociclo provoca um morto no concelho de São Brás de Alportel

Um homem morreu ontem na sequência do despiste do motociclo que conduzia, na zona de …

Folha do Domingo

GRÁTIS
BAIXAR