Pub

O Minor Hotel Group (MHG) investiu 11 milhões de euros na remodelação do hotel Tivoli Carvoeiro, em Lagoa, que reabre em abril como unidade de cinco estrelas, disse à Lusa fonte da cadeia Tivoli.

O hotel vai reabrir com um novo ‘sky bar’, no topo do edifício, e com 40 novos quartos familiares, que podem acomodar um casal e dois filhos, uma suite presidencial e duas suites executivas, explicou o diretor regional de operações dos hotéis Tivoli, Jorge Beldade.

Após o Tivoli Marina, em Vilamoura, esta é a segunda remodelação que o grupo tailandês MHG realiza nos hotéis Tivoli no Algarve, depois de ter adquirido a cadeia hoteleira que pertencia ao ex-grupo Espírito Santo, em fevereiro do ano passado.

A intervenção demorou cinco meses e vai duplicar o preço médio dos quartos – cujo número baixou de 293 para 246 – em relação ao praticado anteriormente, quando o hotel tinha a classificação de quatro estrelas, acrescentou.

Localizado na falésia de Vale Covo, com vista para o oceano Atlântico, o hotel, inaugurado em 1991, vai passar a ter um “sky bar”, numa área de 500 metros quadrados, no topo do edifício.

“O hotel necessitava de uma intervenção para reposicionar o Tivoli Carvoeiro num novo patamar de excelência, colocando-o como um dos ‘ex-libris’ do mercado de luxo no Algarve”, referiu.

O Tivoli Marina, em Vilamoura, foi o primeiro hotel do grupo no Algarve a ser renovado, durante o inverno passado, num investimento que rondou os quatro milhões de euros.

Pub