Pub

Em comunicado, fonte daquela aliança, liderada pelo ex-presidente da Câmara de Faro José Vitorino, acusa ainda as autarquias algarvias de "subserviência aos aparelhos partidários de Lisboa".

"Perante o anúncio de ontem do Governo do fim das isenções para os residentes no fim deste mês, as câmaras do PSD e PS, para tentarem lavar a cara face à responsabilidade de terem aceitado as portagens, vieram a medo pedir a sua prorrogação", referem.

Lusa

Pub