Inicio | Sociedade | Mulher de 32 anos morreu em Portimão devido a alegada avaria do paraquedas

Mulher de 32 anos morreu em Portimão devido a alegada avaria do paraquedas

ParaquedasUma mulher de 32 anos morreu ontem no aeródromo de Portimão, após alegada avaria no seu paraquedas, disse à Lusa o Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro.

O acidente que envolveu a mulher da Escola de Paraquedismo de Évora ocorreu perto das 15:52, segundo o CDOS de Faro.

No aeródromo de Portimão estava a decorrer um encontro internacional de paraquedistas, que reuniu cerca de 300 participantes, representantes de vários países.

Verifique também

Ordem diz que afirmação de ministra de que não faltam médicos no Algarve é “falsa”

A Ordem dos Médicos disse no sábado que é “falsa” a afirmação da ministra da …