Breves
Inicio | Sociedade | Mulher de 32 anos morreu em Portimão devido a alegada avaria do paraquedas

Mulher de 32 anos morreu em Portimão devido a alegada avaria do paraquedas

ParaquedasUma mulher de 32 anos morreu ontem no aeródromo de Portimão, após alegada avaria no seu paraquedas, disse à Lusa o Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro.

O acidente que envolveu a mulher da Escola de Paraquedismo de Évora ocorreu perto das 15:52, segundo o CDOS de Faro.

No aeródromo de Portimão estava a decorrer um encontro internacional de paraquedistas, que reuniu cerca de 300 participantes, representantes de vários países.

Verifique também

Fogo em Tavira obriga a cortar Via do Infante, mas trânsito já reabriu

Um incêndio florestal deflagrou hoje na zona da Eira da Palma, em Tavira, no Algarve, …