Pub

Os prémios Micheletti foram criados em 1996, com o objetivo de reconhecerem publicamente a excelência no que toca aos museus europeus vocacionados para a ciência e a indústria, tendo surgido da cooperação estreita entre a EMA – European Museum Academy e a Fundação Luigi Micheletti, uma referência em termos de arqueologia industrial na Itália.

O júri deste galardão tem em consideração aspetos como a tecnologia e a história social, a criatividade como os projetos museológicos a concurso foram concebidos em torno dos seus núcleos expositivos, assim como o papel que cada um dos equipamentos desempenha no seio da comunidade local onde se insere.

Fazem parte da lista os museus dos seguintes países: Alemanha – Staatsliches Textil – und Industriemuseum (Augsburg); Deutsches Technikmuseum (Berlim); Odysseum (Colónia); Technomuseum – Landesmuseum für Technik u. Arbeit (Mannheim); BMW Museum (Munique); e Porsche Museum (Estugarda); Áustria – Voestalpine-Stahlwelt (Linz); Bélgica – Maison de la Science (Liège); Espanha – Museu del Coure (Les Masies de Voltrega); e Museu de la Tècnica de Manresa (Barcelona); Holanda – Airborne Museum Hartenstein (Oosterbeek); Scryption (Tilburg); e Zaans Museum – Verkade Paviljoen (Zaandam); Inglaterra – Museum of Science & Industry (Manchester); Itália – Museo Galileo (Florença); MathFitness, The Mathematics Arena (Génova); e Paesaggio dell’Eccellenza (Recanati); República da Irlanda – Science Gallery (Dublin); Portugal – Museu de Portimão.

Melhor Museu Conselho da Europa em 2010, o Museu de Portimão está instalado numa antiga fábrica de conservas, ligando a história e a cultura da cidade a uma actividade económica primordial durante bastantes anos e que é representada de maneira pedagógica e didática.

O Museu de Portimão também já foi galardoado com os Prémios Turismo de Portugal em 2009 e recebeu uma menção honrosa na categoria Melhor Museu Português, atribuída pela Associação Portuguesa de Museologia em 2008.

Pub