Pub

Realizou-se no passado sábado a abertura oficial na paróquia de São Luís de Faro do núcleo da Fraternidade de Nuno Álvares (FNA), associação de antigos filiados no Corpo Nacional de Escutas (CNE).

A celebração do compromisso realizou-se na capela de São Luís, sob a presidência do pároco, o padre Rui Barros, e contou com a presença de um representante nacional da FNA, do chefe regional do Algarve do CNE e de elementos dos agrupamentos da cidade de Faro daquele movimento.

O CNE criou a “União dos Antigos Escutas”, como mais uma Secção do Movimento, em 1939 mas só em 1955 foi criada a Fraternidade de Nuno Álvares, como associação autónoma e distinta, mencionada nos seus Estatutos e Regulamento Geral.

A Conferência Episcopal Portuguesa aprovou os seus Estatutos em 1997; Em Janeiro de 2003 a FNA é admitida como associação-membro pela International Scout and Guide Fellowship, a Organização Mundial dos Antigos Escuteiros e Guias.

A associação tem como patrono de São Nuno de Santa Maria e toma-o por “exemplo de fé, humildade, espírito de serviço e abnegação”, propondo que seja por todos os seus associados.

Pub