Pub

O galardão, atribuido pelo Património Nacional e pela Universidade de Salamanca e dotado com 42.100 euros, celebra este ano a sua XXII edição e é considerado o mais prestigiado deste género na Iberoamérica.

A primeira poetisa portuguesa a receber este prémio foi Sofia de Mello Breyner Andresen.

Pub