Breves
Inicio | Economia | Turismo | Ocupação média por quarto no Algarve com subida homóloga de 3,1% em maio

Ocupação média por quarto no Algarve com subida homóloga de 3,1% em maio

As unidades hoteleiras algarvias registaram uma ocupação média por quarto de 74,3% em maio, valor que representa uma subida homóloga de 3,1%, revelou hoje a principal associação de hoteleiros do Algarve.

A Associação de Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA) divulgou hoje os dados relativos à ocupação por quarto do último mês e destacou os resultados que essa subida permitiu alcançar, gerando um aumento do volume de vendas de 9,2%, comparativamente com maio de 2017.

“O volume de vendas subiu 9,2% durante o mês, face ao período homólogo”, referiu a AHETA no comunicado em que divulgou os dados compilados pelo seu gabinete de estudos em maio.

No que se refere aos principais países emissores de turistas para o Algarve, a AHETA referiu que as maiores subidas foram alcançadas pelos mercados “britânico (+7,5%) e irlandês (+14,1%)”, enquanto as maiores descidas foram “registadas pelos franceses (-13,6%) e portugueses (-2,7%)”.
As zonas de Tavira, com um aumento de 8,7%, e de Carvoeiro/Armação de Pêra, com mais 7,8%, foram aquelas que, em termos geográficos, mais subiram em maio, relativamente ao período homólogo de 2017, observou ainda a AHETA.

“Albufeira, a principal zona turística, registou uma subida de 2,9%”, adiantou também a AHETA, referindo-se à cidade algarvia onde está a sua sede.
A associação hoteleira algarvia destacou ainda o resultado positivo de 0,7% na taxa de ocupação média por quarto registada nas unidades hoteleiras da região desde o início do ano.

Verifique também

Secretária de Estado do Turismo apresentou nova linha de crédito com pacote de 30 milhões de euros para empresas algarvias

A secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, anunciou na sexta-feira que a nova …