Pub

A vigília de Pentecostes, que teve então lugar na igreja de São Francisco, fez sobressair o seu objetivo vocacional no contexto da solenidade que marca o fim das festividades pascais.

A oração foi composta pela leitura da sagrada escritura, por instantes reflexivos, por alguns gestos simbólicos e por momentos musicais interpretados pelo padre Pedro Manuel (voz), responsável pelo Secretariado Diocesano da Pastoral Vocacional (SDPV), por José Júlio Brito (guitarra) e por Marlene Santos (teclado), membros do mesmo organismo da igreja algarvia.

A iniciativa, que contou com a interpretação de vários cânticos conhecidos no meio eclesial, agradeceu e pediu pelo dom dos vocacionados, terminando com a consagração dos participantes ao Espírito Santo.

O padre Pedro Manuel, que exortou os presentes a continuarem a rezar pelas vocações consagradas, explicou ao Folha do Domingo que esta iniciativa, acompanhada de um dia de atividades para jovens, deverá repetir-se no próximo ano pastoral por várias paróquias do Algarve.

Samuel Mendonça

Pub