Pub

DSC_0111
© Samuel Mendonça

Os sinos da torre da Sé de Faro, retirados nos primeiros dias do mês passado para restauro, estão já a ser recolocados.

Os trabalhos de devolução dos oito sinos, – o maior deles com um peso de cerca de 700 quilos –, decorrem há três dias, depois de um processo de restauro que incluiu a sua manutenção e a consolidação dos seus apoios e da própria torre sineira.

Para além da recuperação dos sinos e estruturas de apoio que apresentavam visíveis sinais de degradação, a obra incluirá também o arranjo do relógio que deverá ficar em correto funcionamento.

DSC_0015
© Samuel Mendonça

A intervenção, promovida e totalmente financiada pelo Cabido Catedralício da Sé de Faro, através das verbas angariadas com os ingressos, visa ainda dotar os sinos de um sistema automático de toques das horas e para as celebrações.

Segundo o cónego José Pedro Martins, os trabalhos realizados por uma empresa especializada do norte do país, terão um custo previsto entre os 14.500 e os 16.000 euros.

Pub