Pub

Destas iniciativas para jovens com “inquietações vocacionais e missionárias” que têm como objetivo levar os participantes a “conhecer carismas”, já se realizaram duas. A primeira, intitulada “Seminarista por um dia”, decorreu a 4 e 5 deste mês, no Seminário de São José, e contou com a participação de 15 rapazes de diversas paróquias algarvias, de Monchique a Faro.

A última, intitulada “Missionário por um dia”, realizou-se no último sábado (11 de fevereiro) e proporcionou aos nove participantes da paróquia de Quarteira um dia de contacto com a comunidade algarvia das irmãs Missionárias da Caridade, fundadas por madre Teresa de Calcutá.

A jornada, destinada a rapazes e raparigas de grupos de catequese a partir do 10º ano de escolaridade, teve como objetivo, segundo a organização, “contactar com um modo de viver e ser missionário”. Ao longo do dia, os participantes viveram momentos de oração e partilha, mas, sobretudo, de muito trabalho voluntário.

O padre Pedro Manuel, diretor do Secretariado Diocesano da Pastoral Vocacional (SDPV), em declarações à FOLHA DO DOMINGO, sublinha o acolhimento e colaboração das Missionárias da Caridade no modo como “abriram as portas da sua casa”, para além do entusiasmo dos participantes. “Para o ano pensamos fazer duas vezes”, anunciou, reconhecendo o estímulo que a dimensão do voluntariado traz à atividade

A terceira e última iniciativa das “Experiências por um dia”, intitulada “Carmelita por um dia”, destina-se apenas a raparigas a partir dos 16 anos e está prevista realizar-se nos próximos dias 10 e 11 de março, no Carmelo do Patacão, no concelho de Faro.

As participantes terão a rara oportunidade de viver um dia no interior do Mosteiro de Nossa Senhora Rainha do Mundo com a comunidade das Carmelitas Descalças, uma congregação de clausura.

As interessadas em participar devem formalizar a sua inscrição através do e-mail vocalgarve@gmail.com.

Samuel Mendonça
Pub