Pub

Desde janeiro deste ano que os profissionais da pesca local passaram a estar obrigados a usar coletes individuais ao abrigo de um lei que alterou o regulamento dos Meios de Salvação relativo à segurança de embarcações e equipamentos marítimos.

Segundo refere em comunicado o presidente da Câmara de Olhão, onde o setor da pesca emprega centenas de pessoas, pretende-se com a iniciativa “desenvolver uma cultura de segurança” no sentido de “diminuir a ocorrência de acidentes no mar”.

A aquisição dos equipamentos é gratuita para os pescadores, sendo o material financiado em 90 por cento pelo Plano Operacional da Pesca (PROMAR) e em 10 por cento pela Câmara de Olhão.

Aqueles equipamentos permitirão maior segurança na pesca junto à costa e em zonas de rebentação, na entrada e saída das barras e quando existem condições atmosféricas adversas, conclui a autarquia.

Os coletes podem ser adquiridos até à sexta-feira da próxima semana, dia 4 de março, no Gabinete de Apoio às Pescas, na Câmara de Olhão.

Lusa

Pub