Pub

Um homem suspeito de ter abusado sexualmente de um familiar menor de idade, em Portimão, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) e vai aguardar julgamento em prisão preventiva, anunciou ontem a polícia.

O detido, de 44 anos, “parente da vítima, um menor de seis anos de idade, obrigou-o a visualizar filmes pornográficos, após o que consumou a violação”, no interior de uma casa na zona de Portimão, indicou a PJ, em comunicado de imprensa.

De acordo com a PJ, sobre o homem recaem indícios de ter praticado um crime de violação e outro de abuso sexual de crianças.

O detido foi ouvido em primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Portimão, tendo-lhe sido aplicada a prisão preventiva como medida de coação.

Pub