Pub
Foto © Samuel Mendonça
Foto © Samuel Mendonça

O Plano Regional de Contingência para as Temperaturas Extremas Adversas de 2015 entrou hoje em vigor no distrito de Faro anunciou a Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve, que vai emitir diariamente previsões e alertas à população.

A ARS/Algarve esclarece que o plano que vai estar em vigor até 30 de setembro poderá ser alargado, se as condições meteorológicas o justificarem, e é dotado de um sistema de previsão e alerta e todos os dias serão emitidos alertas sobre as previsões do dia seguinte.

“Este ano, a avaliação do risco e consequente emissão de alertas, será realizada de uma forma ainda mais rigorosa, na medida em que é disponibilizada para a região informação meteorológica mais específica por área geográfica dos serviços de saúde, permitindo uma melhor avaliação do risco”, lê-se no comunicado difundido.

Os planos de contingência para as ondas de calor foram encetados em 2004, após a onda de calor verificada em Portugal em 2003, e são encarados pelas autoridades como um instrumento estratégico para a prevenção de problemas de saúde potenciados pela exposição a temperaturas extremas e adversas.

No portal da ARS/Algarve é possível consultar um espaço dedicado às ondas de calor e saber qual o nível de alerta definido para a região e as recomendações para o público em geral e para os grupos mais vulneráveis.

Em caso de previsão de temperaturas muito elevadas que possa provocar graves consequências na saúde as autoridades lançarão o alerta vermelho.

O alerta amarelo será decretado quando as previsões apontem para temperaturas elevadas que podem afetar a saúde dos mais vulneráveis, enquanto o alerta verde será utilizado sempre que as autoridades considerem que as temperaturas são normais para a época do ano e não prevejam impacto na saúde da população.

Pub