Inicio | Economia | Portimão investe 50 mil euros em iluminação de Natal, o maior dos últimos cinco anos

Portimão investe 50 mil euros em iluminação de Natal, o maior dos últimos cinco anos

A Câmara de Portimão vai gastar cerca de 50 mil euros em iluminação de Natal, o maior investimento dos últimos cinco anos em luzes para assinalar a quadra, disse hoje à Lusa o vereador Filipe Vital.

“Há um aumento substancial de investimento na iluminação decorativa, de forma a abranger pontos estratégicos da cidade e do concelho, tornando a cidade mais animada e atrativa para o comércio”, frisou Filipe Vital, vereador com o pelouro da iluminação pública.

Trata-se do maior investimento municipal na decoração de Natal dos últimos cinco anos do município algarvio, um dos mais endividados do país e que está sob resgate financeiro do Fundo de Apoio Municipal (FAM) ao qual recorreu para pagar os 142,5 milhões de euros de dívidas a fornecedores.

De acordo com Filipe Vital, a iluminação decorativa “é também uma forma também de apoiar as atividades económicas, com mais animação nas ruas, convidando as pessoas a visitarem o centro histórico da cidade.

O autarca acrescentou que o aumento do investimento para que a “animação de luzes chegue a mais locais, será compensado pela redução na despesa com o consumo de eletricidade”, destacando que as mais de 400 mil lâmpadas previstas “são do sistema ‘led’, um sistema de menor consumo”.

A par das luzes decorativas, a quadra Natalícia promete muita animação em Portimão, entre sexta-feira e o dia de Reis, com um vasto programa de animação de rua, entre as quais uma feira de Natal, com artesanato e produtos regionais e desfiles musicais que retratam os grandes clássicos da Disney.

A autarquia pretende que o centro da cidade se transforme num dos principais locais para se efetuar as compras “de forma descontraída e ao mesmo tempo com diversão para toda a família.”

Verifique também

Empresa investe 60 milhões de euros para recuperar projeto imobiliário parado em Armação de Pêra

Uma empresa portuguesa vai investir 60 milhões de euros na recuperação de um projeto imobiliário …