Pub

“Ensino Superior em Turismo – Satisfação e Empregabilidade” foi o tema da tese de doutoramento de Sofia Eurico, 35 anos, natural de Vila Franca de Xira e a residir nas Caldas da Rainha, que se sente “confortada” e “satisfeita” por ser primeira pessoa a terminar um doutoramento em Turismo pela UALg.

“Sinto-me muito confortada por completar este projeto. É uma meta que concluo com grande orgulho”, desabafa Sofia Eurico, formada em Línguas e Literaturas Modernas, com um mestrado sobre como a poesia é abordada nos livros escolares.

Avaliar o modelo de satisfação do consumidor (estudante/diplomado de Turismo) e otimizar o serviço prestado pelas instituições de ensino superior para corresponder, ou superar, as expetativas do profissional em Turismo foram os objetivos primordiais do trabalho.

“Este estudo nasce da necessidade que se faz sentir em relação à avaliação das instituições de ensino superior e pensámos numa forma de avaliação que auscultasse o consumidor final e que é o diplomado em Turismo”, explica Sofia Eurico, em entrevista à agência Lusa.

“A imagem desempenha um papel fundamental no processo de formação da satisfação dos diplomados em Turismo”, concluiu Sofia Eurico com a sua tese.

A doutorada em Turismo alerta que é no marketing promocional que as instituições universitárias devem apostar, porque a imagem foi a característica mais valorizada pelos estudantes na hora de escolher onde fazer o curso de Turismo.

Uma outra dimensão no processo de satisfação dos diplomados nesta área e que tem um impacto forte na imagem da instituição universitária é a “empregabilidade”, acrescenta Sofia Eurico.

Se as instituições tiverem esse poder de sedução através da imagem vão, em princípio, conseguir comportamentos de “recomendação da instituição” e a hipótese de comportamentos de reingresso desses diplomados para formação avançada ou especializada, refere.

Os inquiridos para a tese de doutoramento – 166 no total – já estão inseridos no mercado de trabalho, no setor turístico.

Os resultados da tese “Ensino Superior em Turismo – Satisfação e Empregabilidade” foram obtidos através de uma metodologia de natureza qualitativa, com destaque para questionários a diplomados.

Além da imagem e da empregabilidade, a expetativa, qualidade ou valor foram outras das dimensões avaliadas no impacto da satisfação dos diplomados do ensino superior em Turismo.

Lusa
Pub