Pub

Os dois grupos que já seguiram para o Brasil são compostos por elementos que irão participar logo na chamada Pré-Jornada que inclui a Semana Missionária, período nas dioceses de acolhimento, de 16 a 22 de julho, que antecede a JMJ propriamente dita.

Assim, oriundos da paróquia de Vila do Bispo, seguiram na última segunda-feira (dia 15) 6 jovens acompanhados pelo seu pároco, o padre Joel Teixeira, o único sacerdote algarvio a participar no encontro mundial. Este grupo, que se inscreveu diretamente na JMJ, segue num voo via Lisboa – Filadélfia – Charlotte – Rio de Janeiro e realizará a Pré-Jornada na paróquia de Nossa Senhora da Guia, no município de Mangaratiba, a cerca de 100 quilómetros do Rio de Janeiro.

Oriundo da paróquia de Ferreiras seguiu esta manhã, através do voo via Faro – Lisboa – Rio de Janeiro, o grupo de 8 elementos, inscritos através do Secretariado da Pastoral Juvenil da Diocese do Algarve. Este grupo realizará a Pré-Jornada alojado no Barra Arouca Clube, na Barra da Tijuca, a cerca de 25 quilómetros do Rio de Janeiro, a dar apoio a comunidades portuguesas de duas paróquias, cujos párocos são portugueses e realizam trabalho pastoral nas favelas.

Para além destes seguirão ainda para a JMJ mais 24 jovens que irão apenas participar na semana da JMJ, de 23 a 28 deste mês, 17 dos quais oriundos das paróquias de Lagoa (1), Loulé (2), Monchique (1), Paderne (1), Quelfes (6) e Sé de Faro (6), inscritos através do Secretariado da Pastoral Juvenil da Diocese do Algarve. Dois destes elementos rumarão ao Brasil já amanhã, através de voo via Lisboa – Filadélfia – Charlotte – Rio de Janeiro e os restantes 15 seguirão na sexta-feira através de voo com as mesmas escalas.

Os restantes 7 jovens são oriundos da matriz de Portimão e da Conceição de Faro, membros do Caminho Neocatecumenal que também se inscreveram diretamente no encontro, grupo que juntar-se-á em Brasília aos restantes elementos daquele itinerário de iniciação cristã, criado em Espanha e reconhecido oficialmente pela Igreja Católica, que rumará depois ao Rio de Janeiro.

Na semana da JMJ, os jovens inscritos através do Secretariado Diocesano da Pastoral Juvenil – os 8 de Ferreiras que hoje partiram e os 17 restantes – ficarão alojados no centro do Rio de Janeiro, num edifício de um antigo hospital gerido por portugueses, pertencente à Real e Benemérita Sociedade Portuguesa, enquanto os membros da paróquia de Vila do Bispo serão acolhidos em Jacarepaguá, na zona oeste do Rio de Janeiro.

No passado dia 5 deste mês, o bispo do Algarve presidiu à celebração de envio dos participantes algarvios na JMJ.

A Igreja algarvia tem marcado sempre presença nas últimas JMJ. Em Santiago de Compostela (1989) participaram 50 algarvios, em Paris (1997) 150, em Roma (2000) 400, em Colónia (2005) 113, em Sidney (2008) 13 e em Madrid (2011) 232.

Samuel Mendonça

Pub