Pub

O presidente da Entidade Regional de Turismo do Algarve (ERTA), Desidério Silva, reuniu-se ontem com os responsáveis do Turismo de Portugal e adiantou à agência Lusa que foram debatidas estas duas questões, que considerou fundamentais para recuperar alguma dinâmica perdida com a crise económica.

“Uma delas tem a ver com a necessidade do reforço da promoção da região. Isso é fundamental para nós e procurei com o Turismo de Portugal definir algumas estratégias que viessem a ter impacto e dar alguns frutos, particularmente no próximo inverno”, afirmou Desidério Silva.

O responsável máximo da ERTA disse que a outra prioridade passa pela “definição, com os parceiros da região, dos produtos que há, quantificando e identificando-os, para promovê-los em complementaridade ao sol e ao mar, particularmente aqueles que podem ser suporte numa época do ano em que o turismo é muito fraco na região”, como o inverno.

Desidério Silva considerou que “o Algarve, como está, precisa mais do que aquilo que se está a fazer” e manifestou-se convicto de que “o Turismo de Portugal vai dar um sinal forte sobre essa matéria”.

Para Desidério Silva é indiferente quem gere as verbas para a promoção do Algarve, desde que os interesses da região sejam atendidos e defendidos pelo Turismo de Portugal.

“E o Turismo de Portugal, como tem essa força que nós não temos, se fizer a promoção de acordo com aquilo que entendemos ser importante para a região, só temos que dar as mãos e trabalhar em conjunto”, salientou.

Lusa

Pub