Pub

"A Quercus teve conhecimento que a IKEA Portugal pretende construir uma nova loja no Algarve, tendo a empresa imobiliária (IMO 224 – Investimentos Imobiliários SA.) promovido a compra de cerca de 40 hectares de terrenos, em solos da RAN, no sítio de Alfarrobeira, próximo da Via do Infante", lê-se num comunicado divulgado hoje pela Associação Nacional de Conservação da Natureza.

No documento a Quercus considera o "investimento do Grupo IKEA importante para a região" mas apela à Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve para que "defenda o ordenamento do território".

"Apesar do IKEA Portugal ter já entregue um pedido de viabilidade na CCDR do Algarve para terrenos condicionados no concelho de Loulé, a Quercus espera que as entidades públicas competentes não permitam a desafectação dos solos da RAN, nem promovam a alteração do Plano Director Municipal de Loulé para favorecer um interesse privado, sem que tenham sido estudadas alternativas de localização".

A Quercus sugere ao Grupo IKEA para não insistir na construção de infra-estruturas em áreas condicionadas, "quando existem alternativas que deviam ser ponderadas na selecção de locais para investimento".

A 10 de Dezembro do ano passado, a cadeia sueca IKEA anunciou que pretendia abrir uma loja e um centro comercial Inter IKEA em Loulé, Algarve, um investimento no valor superior a 200 milhões de euros que permitirá criar 3000 postos de trabalho directo.

"O Grupo IKEA confirma a intenção de instalar uma loja IKEA e um centro comercial Inter IKEA Center Portugal na região do Algarve, no concelho de Loulé", lê-se num comunicado, após uma informação veiculada pela agência Lusa sobre a entrada do pedido de viabilidade da obra na CCDR/Algarve.

O plano de expansão do Grupo IKEA para Portugal prevê um investimento de mais de 660 milhões de euros através da instalação de sete lojas IKEA – três na região da Grande Lisboa, duas na região do Grande Porto, uma na zona sul e outra a centro -, dois centros comerciais Inter IKEA Centre Group e três fábricas Swedwood Group, em Paços-de-Ferreira.

Pub