Breves
Inicio | Igreja | Renovamento Carismático Católico tem novos responsáveis no Algarve

Renovamento Carismático Católico tem novos responsáveis no Algarve

Oracao_renovamento_carismatico_padre_marlon_mucio-19
Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

O Serviço Diocesano do Renovamento Carismático Católico (RCC) no Algarve tem uma nova equipa.

O organismo terá, uma vez mais, como coordenador diocesano António Aparício, que é simultaneamente o vice-coordenador nacional daquele movimento, e é constituído ainda por Ana Paula Aparício (vice-coordenadora), Maria Domingas dos Santos (secretária), Teresa Xavier (tesoureira) e Eduardo Lima (vogal).

A provisão de nomeação de novos responsáveis foi assinada pelo bispo do Algarve no passado dia 15 de março. D. Manuel Quintas nomeou a nova equipa de serviço diocesano do RCC para o quinquénio de 2019 a 2024.

“É com muito gosto que eu vou tentar, mais uma vez, prestar este serviço para todos vós porque com ele eu aprendo muito e convosco aprendo muito mais”, afirmou António Aparício no passado dia 27 de março no final da oração que teve lugar em Loulé, no Santuário de Nossa Senhora da Piedade (Mãe Soberana).

Aquele responsável destacou ainda que a nova constituição da equipa do Serviço Diocesano resultou da escolha dos coordenadores dos 15 núcleos algarvios do RCC que, Vila Real de Santo António a Lagos, se reúnem todas as semanas.

António Aparício destacou que o movimento, com 52 anos, “é uma corrente de graça na Igreja católica” e “está espalhado pelo mundo inteiro com mais de 120 milhões de cristãos católicos” que vivem a sua fé através dele.

O coordenador algarvio exortou ainda à “audácia” e ao “desafio” de “todos aqueles que queiram caminhar em renovamento, renovando a sua vida”, a que “venham conhecer o Renovamento Carismático”. “Serão todos bem-vindos”, assegurou, pedindo-lhes que procurem o grupo mais próximo da sua residência. “Venham fazer uma experiência de espiritualidade carismática, deixar que o Espírito de Deus encha o vosso coração”, acrescentou.

António Aparício pediu ainda aos grupos de oração do RCC no Algarve que “não se fechem”. “Tenhamos a coragem de propor aos nossos párocos aquilo que de há três anos à esta parte o papa Francisco lançou como desafio a mais de mil sacerdotes reunidos num congresso em Roma: fazei seminários de vida nova nas vossas paróquias, levai a experiência da espiritualidade carismática para dentro das vossas paróquias, deixem que toda a Igreja sinta e viva o benefício do batismo do Espírito Santo que complementa o batismo sacramental”, apelou.

António Aparício anunciou ainda uma “semana de missão” que contará com a presença do assistente eclesiástico do RCC no Seará que “vem conhecer a realidade do Renovamento no Algarve”. “Estará connosco, à disposição de todos os grupos, para conversarmos, rezarmos, partilharmos, mas isso não será possível se os grupos não se empenharem seriamente nesta missão”, alertou.

Verifique também

Missionários redentoristas celebraram 50 anos de presença no Algarve

A comunidade algarvia da congregação do Santíssimo Redentor, cujos membros são conhecidos como missionários redentoristas, …