Pub

Accao_formacao_liam_algarve (2)Cerca de 35 responsáveis da Liga Intensificadora da Ação Missionária (LIAM) do Algarve reuniram-se no passado fim-de-semana de 22 e 23 de março, na casa de retiros de São Lourenço do Palmeiral, na área da paróquia de Alcantarilha, para uma ação de formação sob o tema “Redescobrir a Alegria de viver”.

Accao_formacao_liam_algarve (3)O primeiro dia daquela iniciativa, orientada pelos padres missionários da Congregação do Espírito Santo (espiritanos), teve início com a intervenção do padre Nuno Rodrigues, responsável nacional da LIAM, a partir da exortação apostólica do Papa Francisco “A Alegria do Evangelho”, que apresentou as tristezas de hoje e as atitudes a evitar na ação missionária.

Accao_formacao_liam_algarve (1)Da parte da tarde, o padre Paulinus Anyabuoke, membro da comunidade algarvia dos sacerdotes espiritanos, deteve-se na reflexão sobre a mensagem do Papa para a presente Quaresma, bem como no programa da Diocese do Algarve para presente ano pastoral de 2013/2014.

No final da tarde realizou-se uma celebração penitencial na qual foi administrado o sacramento da confissão e o dia terminou com a projeção de um filme sobre a vida do Papa João XXIII.

No domingo, após a oração da manhã, o padre Nuno Rodrigues apresentou alguns desafios do Papa Francisco para uma nova evangelização e que deve comprometer todos os núcleos da LIAM nas suas atividades em prol de uma ação missionária mais “empenhada e audaz”.

Accao_formacao_liam_algarveA iniciativa, na qual participou o recém-criado núcleo da LIAM da paróquia de Moncarapacho, terminou com a celebração da eucaristia presidida pelo padre Odilon, missionário espiritano, que irá partir em breve para a Guiné-Bissau. A LIAM do Algarve ofereceu ao missionário uma moto para o seu trabalho apostólico como sinal de partilha e solidariedade para com a missão ad gentes.

A LIAM, movimento de leigos [não clérigos] fundado em Fátima em 1937 pela Congregação do Espírito Santo para despertar e formar a consciência missionária entre os católicos portugueses, está atualmente presente em oito dioceses e 300 paróquias portuguesas. No Algarve existem atualmente 14 núcleos em funcionamento.

Pub