Pub

O incidente ocorreu cerca das 17:00 e obrigou ao adiamento do voo, da companhia Ryanair, com destino a Inglaterra, que devia ter partido às 18:00 e que às 19:40 ainda não tinha descolado, disse à Lusa fonte da ANA, empresa gestora do aeroporto.

A situação levou à deslocação para o aeroporto da Brigada de Minas e Armadilhas da PSP, acrescentou a fonte policial.

Todos os passageiros que iam embarcar no voo tiveram que passar novamente pelos procedimentos habituais de segurança, explicou o porta-voz da ANA, Rui Oliveira.

Contactado pela Lusa, o diretor do Aeroporto de Faro, Correia Mendes, desdramatizou a situação dizendo não ser “nada de extraordinário”.

Acrescentou ainda que os procedimentos de segurança a aplicar nestas situações foram todos cumpridos.

Lusa
Pub