Pub

A diretora do Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja, falando no âmbito do tema “Potencialidades e desafios para as Catedrais portuguesas”, salientou que o projeto pressupõe um “entendimento em rede” que se manifesta desde logo pela conceção de uma identidade visual comum.

Manifestando a “firme intenção de um importante trabalho de investigação”, aquela responsável explicou que o trabalho de intervenção vai começar pela elaboração de materiais informativos (roteiros e desdobráveis) e pela criação de sinalética interpretativa e direcional para as catedrais com vista ao melhoramento de acessos e acessibilidades a estes monumentos.

Para além deste aspeto referiu-se ainda a materiais locucionados, audioguias e equipamento complementar de um projeto multimédia com propostas áudio e vídeo, com visitas virtuais a 360º, plantas interativas, vídeos e galerias de imagens para todas as catedrais.

Costa Saldanha adiantou que os conteúdos deste trabalho, que deverá ficar pronto dentro de dois meses, serão disponibilizados nas próprias catedrais em quiosques ou pontos multimédia.

Por fim, anunciou que o portal em www.rotadascatedrais.com, em construção, já se encontra disponível desde as 0h de hoje e, salientando a sua “sustentabilidade”, adiantou que as catedrais irão receber lojas.

Samuel Mendonça

Pub