Pub

Obra pretende assinalar os 25 anos de ordenação sacerdotal do autor 

A mais recente obra do padre Mário de Sousa, presbítero da Diocese do Algarve, intitulada «Dai-lhes vós de comer» (Mc 6,37), foi publicada, na passada sexta-feira, pelo Secretariado Nacional de Liturgia (SNL).

O livro recolhe e partilha uma seleção de 12 escritos, que foram sendo publicados em diversas revistas, que se destina a celebrar os seus 25 anos da sua ordenação sacerdotal que serão assinalados no próximo dia 28 deste mês. “Uns são meditações bíblicas, outros, artigos de caráter científico, mas todos reveladores do fogo que a Palavra acende no coração de quem a aprofunda e nela redescobre continuamente a surpresa de Deus que se manifesta”, refere o próprio autor na introdução da obra.

“São uma partilha do meu ministério, do meu amor à Palavra e da riqueza que a Palavra na minha vida tem sido”, acrescenta o sacerdote, lembrando que ser à “Palavra cheia da vida divina”, que tem procurado “incessantemente” entregar-se, que o tem “iluminado, guardado e alimentado”. “É a Ela que tenho dedicado grande parte dos dias e do tempo, para que, também por Ela, Cristo continue a desembarcar na vida de todos os homens e mulheres que anseiam pelo Pastor que lhes mate a fome de sentido para a vida, cuide das feridas feitas nas silvas da vida, e que, debaixo do sol forte da existência, as conduza às águas refrescantes”, conclui.

O bispo do Algarve, que assina o prefácio da publicação, sublinha precisamente que “o título escolhido” reflete a “resposta pessoal” do autor àquela “exortação intemporal de Jesus, como expressão do exercício do dom que lhe foi concedido há vinte e cinco anos e continua a distribuir, de muitos modos, àqueles que Deus vai colocando no seu caminho”. “A publicação desta obra constitui, seguramente, um modo eficaz de o fazer. Em cada página, para além da sua competência como Professor e Mestre, transparece o seu coração de pastor e o seu amor pessoal a Cristo, à Palavra e à Igreja, amor que contagia quantos têm o privilégio de o escutar e agora, estou certo, se estenderá a quantos lerem esta obra”, acrescenta D. Manuel Quintas, agradecendo, em nome da Diocese do Algarve, ao sacerdote.

A publicação, de 232 páginas, integra a coleção “Verbum caro” e está à venda pelo valor de 7 euros.

A mais recente obra do padre Mário de Sousa, presbítero da Diocese do Algarve, intitulada «Dai-lhes vós de comer» (Mc 6,37), foi publicada, na passada sexta-feira, pelo Secretariado Nacional de Liturgia (SNL).

O livro recolhe e partilha uma seleção de 12 escritos, que foram sendo publicados em diversas revistas, que se destina a celebrar os seus 25 anos da sua ordenação sacerdotal que serão assinalados no próximo dia 28 deste mês. “Uns são meditações bíblicas, outros, artigos de caráter científico, mas todos reveladores do fogo que a Palavra acende no coração de quem a aprofunda e nela redescobre continuamente a surpresa de Deus que se manifesta”, refere o próprio autor na introdução da obra.

“São uma partilha do meu ministério, do meu amor à Palavra e da riqueza que a Palavra na minha vida tem sido”, acrescenta o sacerdote, lembrando que ser à “Palavra cheia da vida divina”, que tem procurado “incessantemente” entregar-se, que o tem “iluminado, guardado e alimentado”. “É a Ela que tenho dedicado grande parte dos dias e do tempo, para que, também por Ela, Cristo continue a desembarcar na vida de todos os homens e mulheres que anseiam pelo Pastor que lhes mate a fome de sentido para a vida, cuide das feridas feitas nas silvas da vida, e que, debaixo do sol forte da existência, as conduza às águas refrescantes”, conclui.

O bispo do Algarve, que assina o prefácio da publicação, sublinha precisamente que “o título escolhido” reflete a “resposta pessoal” do autor àquela “exortação intemporal de Jesus, como expressão do exercício do dom que lhe foi concedido há vinte e cinco anos e continua a distribuir, de muitos modos, àqueles que Deus vai colocando no seu caminho”. “A publicação desta obra constitui, seguramente, um modo eficaz de o fazer. Em cada página, para além da sua competência como Professor e Mestre, transparece o seu coração de pastor e o seu amor pessoal a Cristo, à Palavra e à Igreja, amor que contagia quantos têm o privilégio de o escutar e agora, estou certo, se estenderá a quantos lerem esta obra”, acrescenta D. Manuel Quintas, agradecendo, em nome da Diocese do Algarve, ao sacerdote.

A publicação, de 232 páginas, integra a coleção “Verbum caro” e está à venda pelo valor de 7 euros.

O padre Mário de Sousa, natural de Vila Real de Santo António, é professor de Novo Testamento no Instituto Superior de Teologia de Évora, diretor do Centro de Estudos e Formação de Leigos do Algarve e presidente Associação Bíblica Portuguesa desde 2017.Em 2020 foi nomeado pela Conferência Episcopal Portuguesa coordenador da sua Comissão da Tradução da Bíblia.

Atualmente pároco na igreja matriz de Portimão, a formação do padre Mário de Sousa foi feita no Instituto Superior de Teologia de Évora, passou pela Universidade Católica de Lisboa, tendo licenciatura em Teologia e em Ciências Bíblicas, no Pontifício Instituto Bíblico de Roma e o doutoramento, em Teologia Bíblica, na Universidade Gregoriana de Roma.

Entre outras publicações é autor de “Introdução ao Evangelho de S. João”, “«Para que também vós acrediteis». Estudo exegético-teológico de Jo 19,31-37” e “Os encontros de Jesus no Evangelho de São João”.

Pub