Pub

A presença do secretário de Estado do Mar no concelho serviu como mote para o presidente da autarquia Olhanense, Francisco Leal, deixar as suas preocupações sobre os problemas que afetam o setor na região.

O autarca recordou que o município tem, “desde longa data, prestado um apoio inequívoco aos pescadores e ao setor das pescas, evidenciando uma vocação para potenciar o desenvolvimento económico e social destes profissionais”.

Francisco Leal referiu também o importante trabalho que tem sido feito pelo Grupo de Ação Costeira (GAC) do Sotavento, sedeado em Olhão, que é, dos sete a nível nacional, aquele que tem mais projetos em execução e o que em termos de emprego ajudou, até agora, à criação de 24 novos postos de trabalho e a manutenção de 8, o que representa 50 por cento do compromisso assumido no Programa Operacional de Pesca 2007-2013.

O autarca aproveitou ainda a presença de Manuel Pinto Abreu para apelar ao Governo ajuda para ultrapassar as dificuldades, referindo-se aos “indispensáveis melhoramentos no porto de pesca de Olhão”, lembrando que estes melhoramentos devem ser efetuados com “urgência”.

Francisco Leal solicitou também a intervenção do governante junto do IPTM “para a urgente cedência de mais espaço para que a Companhia de Pescarias do Algarve possa construir novas unidades, nomeadamente um centro de expedição e uma maternidade de bivalves”, apelando ainda a uma “melhor atenção para as indispensáveis dragagens quer da barra da Armona quer dos canais interiores, indispensáveis para que possamos melhorar e aumentar a nossa atividade na pesca e na aquacultura”.

Face às preocupações manifestadas pelo autarca Olhanense, o secretário de Estado do Mar disse saber “bem das dificuldades do setor das pescas”, garantindo ainda conhecer “bem as dificuldades do porto de Olhão, nalgumas já começamos a pegar, outras estão a ser consideradas”.

Manuel Pinto Abreu referiu, por fim, que o governo português tem vindo a conseguir vitórias em Bruxelas no que diz respeito à pesca, sendo que, segundo o responsável, as propostas apresentadas foram quase todas aceites.

Pub