Pub

Feira_recrutamento_ualgMais de 600 alunos e diplomados participam, até hoje, na primeira edição de uma feira de recrutamento promovida pela Universidade do Algarve (UAlg), em Faro, com o objetivo de apoiar a sua inserção no mercado de trabalho.

A “UAlg Careers Fair”, que decorre no Complexo Pedagógico do Campus da Penha, em Faro, conta com a participação de mais de 30 empresas e entidades, regionais, nacionais e estrangeiras, de áreas como o turismo, saúde, banca e seguros ou tecnologia, disse à agência Lusa o coordenador do gabinete de comunicação da UAlg, André Botelheiro.

Segundo aquele responsável, estão presentes no evento algumas empresas estrangeiras de Recursos Humanos, que procuram recrutar profissionais, sobretudo na área da saúde, para trabalharem nos seus países.

“As pessoas que se inscrevem têm um conjunto vasto de atividades, entre sessões de recrutamento e de apresentação das próprias empresas e entidades, e workshops sobre empregabilidade, entre outros temas”, adiantou, sublinhando que durante os dois dias em que decorre o evento está prevista a realização de mais de 20 workshops.

O evento, destinado sobretudo a alunos e diplomados da UAlg, embora seja aberto à restante comunidade, tem ainda um espaço “caça talentos”, decorrendo, em simultâneo, atividades em sete auditórios, acrescentou.

Durante a feira, os candidatos a emprego vão ter entrevistas de trabalho, individuais e coletivas e, embora o objetivo possa não ser a contratação imediata, existe a hipótese de os empregadores oferecerem a realização de estágios profissionais.

Segundo André Botelheiro, entre 1987 e 2014, a taxa média de empregabilidade dos diplomados da UAlg inscritos em centros de emprego do Instituto de Emprego e Formação Profissional, rondou os 95%.

Os resultados práticos da feira de recrutamento, que a organização refere como a maior a sul do Tejo, deverão ser monitorizados pelo gabinete de saídas profissionais da universidade, concluiu.

O evento, organizado pela UAlg e pela Associação Académica, tem como parceiros a Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE) e o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), entre outros.

Fundada em 1979, a Universidade do Algarve tem 9.000 alunos, saindo daquela academia uma média de 1.500 diplomados por ano.

Pub