Pub

Um concerto de “soul” brasileiro, uma ópera baseada no poema “Tabacaria”, de Fernando Pessoa, e um musical de homenagem a Simone de Oliveira são alguns dos espetáculos para assistir no Teatro das Figuras, em Faro, até maio.

Já entre sexta-feira e domingo, haverá quatro sessões da peça “Simone, o Musical”, com a participação da artista, espetáculos que estão praticamente esgotados, disse o diretor delegado do teatro, Gil Silva, durante a apresentação da nova imagem e da programação quadrimestral desta sala de espetáculos.

No dia 08 de abril sobe ao palco do Teatro das Figuras o projeto de ‘soul’ brasileiro Liniker e os Caramelows e, logo depois, a 12 de abril, é apresentada a ópera de cãmara “Tabacaria”, de Luís Soldado, inspirada no poema com o mesmo nome de Álvaro de Campos, heterónimo de Fernando Pessoa, espetáculo que se integra no ciclo “Às quintas no teatro”.

Este ciclo, que procura apresentar espetáculos alternativos nas diferentes áreas artísticas, tem início a 01 de fevereiro, com a peça “Dança”, uma coprodução com uma companhia de Faro, estando também prevista, a 15 de março, a apresentação do espetáculo de dança contemporânea “Unbounded”.

O teatro vai ter ainda o ciclo “Porto em Faro”, que decorrerá também ao longo do ano, com o objetivo de apresentar companhias e produtores da cidade do Porto, nomeadamente, a Circolando, no dia 24 de fevereiro, com a peça “Climas”, que versa sobre o tema das alterações climáticas.
Ainda no âmbito deste ciclo, que integra várias áreas artísticas, será apresentada, a 26 de abril, a peça “A tecedeira que lia Zola”, do Teatro Experimental do Porto, e, a 28 de abril, “A ballet story”, do coreógrafo Vítor Hugo Pontes.

Um terceiro ciclo, que já existia em anos anteriores, é o “Noites do sofá”, em que o palco do Teatro das Figuras é transformado numa sala de estar para apresentar projetos musicais: Riding a meteor, no dia 01 de março, Harmonies, no dia 02, e Six Organs of Admittance, no dia 27.

A destacar, no mês de fevereiro, há ainda os concertos do fadista Camané, no dia 03, da Glenn Miller Orchestra, no dia 09 , de Sara Tavares, no dia 14, e de Richard Galliano com Gonçalo Pescada, no dia 25.

Em março, no dia 04, realiza-se o segundo Festival Internacional de Guitarra de Faro e, no dia 17, sobe ao palco do Teatro das Figuras a peça de teatro “O último dia de um condenado”, com Virgílio Castelo a personificar o último condenado à pena de morte em Portugal.

Rui Veloso dá um concerto no dia 30 de março. No dia 21 abril, realiza-se o espetáculo “Commedia à la carte” e cabe à fadista Raquel Tavares o encerramento da programação deste quadrimestre, com um espetáculo no dia 30 de abril.

Em 2017, o Teatro das Figuras apresentou 117 espetáculos, num total de 146 sessões, às quais assistiram 48.419 espetadores, um número considerado “recorde” pela direção desde a abertura daquele equipamento cultural, em 2005.

Das 146 sessões, mais de um quarto são espetáculos musicais, representando 27% do total da programação.

Pub