Pub

O festival, que foi hoje apresentado numa conferência de imprensa, pretende "dar a conhecer as especialidades gastronómicas do atum, nas quais Vila Real de Santo António é ‘master’" e servirá para "divulgar actividades como a estupeta gigantes, que foi um sucesso no ano passado, durante o Congresso do Atum, e será repetida", disse o presidente da Confraria do Atum, Luís Camarada, à Lusa.

"Haverá um jantar de degustação, onde teremos a participação de várias confrarias gastronómicas nacionais e haverá também o ronqueamento (abertura) de um atum ao vivo para as pessoas saberem quais são as diversas peças do atum", adiantou Luís Camarada, que espera contar com "cinco mil visitantes".

Outra das apostas deste I Festival do Atum passa pela repetição de uma iniciativa realizada no ano passado um dia antes do início do Congresso do Atum, "encontro bianual e que este ano não realiza", a confeção de uma estupeta gigante, que em 2009 falhou a entrada no livro Guiness dos recordes, frisou o presidente da Confraria.

"Optámos por não validar o recorde porque os custos inerentes à validação desse recorde não eram suportáveis pela confraria do atum e decidimos apenas fazer a estupeta gigante e esperar por uma oportunidade melhor para validarmos esse recorde", explicou Luís Camarada, referindo-se à iniciativa que terá lugar no sábado, dia 08 de maio, e que será vendida a depois a 50 cêntimos o prato.

O Festival vai decorrer no centro cultural António Aleixo, onde haverá "vários expositores presentes, como o Atum Ramirez, a Maná, o Coração Doce, os Cafés Camelo e vários restaurantes das zona que irão apresentar especialidades de atum".

"Haverá muito animação cultural, sempre com prata da casa, porque estamos em época de crise e mão podemos gastar muito dinheiro", disse ainda Camarada.

O presidente da Confraria do Atum disse que entre as especialidades que os visitantes do festival poderão experimentar estão "a muxama de atum, a estupeta de atum, diversas caldeiradas, atum com batata doce, orelha de atum guisada ou barriga de atum com feijão branco".

"Haverá uma panóplia de diversidade gastronómica que irá empolgar os nossos visitantes, que terão o atrativo de conhecer a gastronomia local", frisou, adiantando que "a entrada custará um euro" e "haverá várias degustações grátis, assim como provas de vinhos".

Lusa

Pub