Pub

O evento conta com dois torneios a cavalo por dia, um espetáculo teatral no castelo, muita dança e animação. Para além disso, o horário nesta edição da feira sofre alterações, estando o certame aberto ao público das 18h00 à 01h00 exceto à sexta e sábado que funcionará das 18h00 às 02h00.
Segundo a organização, a entrada da Feira poderá ser efetuada através da aquisição de pulseira ou de bilhete diário. Ao adquirir a pulseira o visitante terá acesso ao recinto e aos espetáculos de entrada livre durante os 10 dias do evento. Poupará 1 euro e evitará perder tempo em filas de espera. Assim, e até ao início da Feira, a pulseira – que é pessoal, intransmissível e inviolável – terá um custo de 3 euros, passando a 4 euros depois do seu começo. Poderá ser adquirida nas Juntas de Freguesia de Pêra, Armação de Pêra, Alcantarilha, S.B. Messines, Algoz, Tunes e S. Marcos da Serra, em vários pontos da cidade de Silves (Piscinas Municipais, Biblioteca Municipal, Castelo, Museu de Arqueologia, Centro de Interpretação do Património Islâmico e Casa da Cultura Islâmica e Mediterrânica), em vários restaurantes e hotéis do concelho e no comércio local de Silves, S.B. Messines e Armação de Pêra.
Em alternativa à pulseira, os visitantes podem optar pelo bilhete diário (à venda nas bilheteiras da Feira durante o evento), que terá um custo de 2 euros. As crianças até 1,30 m de altura estarão isentas do pagamento de entrada.
No dia 5 de agosto o programa “Verão Total” da RTP vai estar em direto durante cerca de 6 horas a partir da Praça Al-Mutamid com João Baião e Helena Coelho, «onde se dará a conhecer as riquezas do concelho de Silves, em diversas áreas, bem como a própria Feira Medieval, que estará a decorrer nesse dia.»
A organização da Feira está a cargo da Câmara Municipal de Silves.

Lúcia Costa

Pub