Pub

O conjunto italiano de cinco ginastas, que atuam em simultâneo com duas cordas e três fitas, obteve 27,125 pontos, enquanto o da Rússia somou 25,850.

O último lugar do pódio ficou entregue a Israel, com 24,925.

Apesar do título mundial conquistado em 2009, a vitória italiana surpreendeu, pois a Rússia era apontada como a grande favorita à vitória em todas as competições da prova portuguesa.

Na outra final de conjuntos seniores (5 arcos, cinco ginastas atuam com arco), a Bielorrússia (27,700 pontos) arrecadou o “ouro”, à frente da Itália (26,975), segunda classificada, e da Rússia, terceira, com 26,950.

A 5.ª Taça do Mundo de Ginástica Rítmica de Portimão, a terceira do circuito internacional de 2010, que decorreu em simultâneo com o 24.º Torneio Internacional, destinado a atletas juniores, terminou hoje, com a participação de 350 ginastas de 30 países.

As ginastas russas foram as grandes vencedoras da edição de 2010 da prova portuguesa, ao arrecadarem o maior número de vitórias nas várias competições, tanto na Taça do Mundo, como no 24.º Torneio de ginástica de Portimão.

5.ª Taça do Mundo de Portimão.
Classificação final conjuntos (2cordas+3fitas)

1. Itália, 27,125 pontos.
2. Rússia, 25,850
3. Israel, 24,925

Classificação final conjuntos (5arcos)
1. Bielorrússia, 27,700 pontos.
2. Itália, 26,975.
3. Rússia, 26,950.

Lusa

Pub