Pub

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE), o número de desempregados caiu em todas as regiões do país, à exceção do centro, no terceiro trimestre, face ao trimestre anterior, e o Algarve é uma das três regiões onde se registaram as maiores quedas, juntamente com a Madeira e o Alentejo.

Ainda assim, no terceiro trimestre de 2014, as taxas de desemprego mantiveram-se superiores à média nacional, de 13,1%, nos Açores (15,7%), no Norte (14,3%) e em Lisboa (14%).

Os valores inferiores à média nacional foram observados no Centro (10,5%), no Algarve (11,2%), no Alentejo (12,6%) e na Madeira (13%).

Em relação ao trimestre anterior, a taxa de desemprego diminuiu em todas as regiões, com exceção da região centro, onde aumentou 0,1 pontos percentuais.

Em relação ao trimestre homólogo, a taxa de desemprego diminuiu em todas as regiões, com os maiores decréscimos a ocorrerem na Madeira (quatro pontos percentuais), em Lisboa (3,9 pontos percentuais) e no Alentejo (3,5 pontos percentuais).

Segundo os números avançados ontem, a taxa de desemprego em Portugal foi de 13,1% no terceiro trimestre deste ano, uma queda homóloga de 2,4 pontos percentuais e um recuo de 0,8 pontos face ao trimestre anterior.

De acordo com as estatísticas do emprego relativas ao terceiro trimestre de 2014, neste período, a população desempregada foi de 688,9 mil pessoas, o que representa uma diminuição trimestral de 5,5% e uma queda homóloga de 16%, ou seja, menos 40 mil e menos 131 mil pessoas, respetivamente.

Pub