Inicio | Desporto | Algarvios negam “desunião” no grupo de trabalho

Algarvios negam “desunião” no grupo de trabalho

"Estamos unidos. Momentos maus, toda a gente os vive, são discussões internas completamente ultrapassadas e esclarecidas. Existe dentro do balneário grande espírito de união e de maneira nenhuma pode ser posta em causa a nossa dignidade", salientou o capitão de equipa, Rui Duarte.

Isidoro Sousa, Daúto Faquirá e Rui Duarte decidiram reforçar a mensagem de união entre direção, equipa técnica e jogadores, na sequência do diferendo provocado por declarações críticas do avançado Djalmir sobre a equipa.

O dianteiro tinha criticado o futebol da equipa, que considerou "medíocre", tendo sido afastado do treino matinal de quinta-feira, uma situação ultrapassada depois de uma reunião com presidente e treinador, que decidiram reintegrar o jogador sem qualquer punição.

O treinador, Daúto Faquirá, considerou que o episódio "foi empolado, como uma tempestade num copo de água", garantindo: "Estamos todos no mesmo barco e isto só serviu para reforçar os laços muito fortes já existentes".

Quanto ao presidente, Isidoro Sousa, deu o assunto como "encerrado" e lembrou que o grupo de trabalho só está focado nos "dois jogos importantes que tem pela frente", contra Sporting de Braga (Liga) e Oliveirense (oitavos de final da Taça de Portugal).

Lusa

Verifique também

Sérgio Vieira é o novo treinador do Farense

O português Sérgio Vieira é o novo treinador Farense, anunciou ontem a equipa algarvia, que …