Pub

Os trabalhos de restauro dos retábulos da igreja do Colégio, em Portimão, vão ser retomados já este mês, após a recuperação do retábulo e dos frescos do altar-mor realizada no final do ano passado.

Os dois altares laterais da capela-mor daquela igreja da paróquia da matriz de Portimão serão totalmente desmontados e restaurados em oficina e os outros seis altares serão intervencionados na própria Igreja.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

Para além dos retábulos serão também restaurados os frescos dos tetos de todos os altares, bem como a cruz alta, por cima da capela-mor.

A paróquia da matriz informou que o restauro tinha sido um “compromisso assumido pela Câmara Municipal ainda antes da pandemia (e, por isso, já nessa altura contratualizado com a empresa que o vai realizar)”. A comunidade paroquial anunciou que “a obra está orçamentada em 79.600 euros, valor integralmente assumido pelo município” “como forma de preservar o património da cidade”.

Por causa da intervenção, muitas celebrações exequiais terão de ser realizadas na própria capela do velório.

Recuperação das portas laterais da igreja matriz

As portas laterais da igreja matriz também vão ser substituídas. “Aquando das grandes obras de restauro da Igreja Matriz, pelo grande esforço financeiro que foi necessário realizar, houve intervenções que tiveram de ficar para mais tarde e que, paulatinamente, a comunidade tem levado a bom porto. Embora o momento não seja o mais propício, o estado das portas laterais da Igreja Matriz chegou a uma situação, que obriga a uma intervenção imediata (a madeira está deteriorada ao ponto de as portas apenas se manterem no lugar por estarem pregadas uma à outra)”, explicou a paróquia.

A comunidade paroquial informou que o Conselho Económico decidiu entregar a empreitada da feitura de duas novas portas (sul e norte), no valor de 4.000 euros cada uma.

Pub