Pub

clementinasA Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu 64 toneladas de citrinos (clementinas), no valor de 18 mil euros, e instaurou 3 processos de contraordenação por desrespeito das normas de comercialização de produtos hortofrutícolas, informou no sábado a ASAE.

A apreensão foi realizada pela Unidade Regional do Sul da ASAE e deveu-se à falta as indicações obrigatórias relativas à origem, categoria, e calibre do produto, podendo induzir o consumidor em erro.

A apreensão verificou-se durante uma ação de fiscalização direcionada à verificação do cumprimento das condições de transporte de géneros alimentícios (refrigerados, congelados e transportados à temperatura ambiente), tendo decorrido na zona fronteiriça, no acesso a Portugal através da ponte sobre o Rio Guadiana.

Durante a ação foram verificadas as condições de transporte dos produtos, documentação de acompanhamento das mercadorias, rotulagem, condições de higiene dos veículos, verificação das temperaturas e dos avisos prévios obrigatórios no caso das trocas intracomunitárias de produtos alimentares de origem animal.

A ação de fiscalização da ASAE teve o apoio da GNR.

Pub