Pub

“O acordo será assinado em Madrid, às 13:30, no Estádio Santiago Bernabéu, pelo presidente da Câmara Municipal de VRSA, Luís Gomes, e pelo presidente do Real Madrid, Florentino Pérez”, indicou a autarquia algarvia num comunicado, precisando que também estará presente o vice-presidente da Fundação, Enrique Sánchez, bem como um jogador da equipa principal.

A câmara sublinhou que, “apesar de só agora o acordo ser oficializado, há vários meses que a autarquia prepara as bases para o arranque das atividades da Fundação, tendo já constituído as turmas, definido horários e estipulado metodologias de trabalho”.

A escola sócio-desportiva da Fundação Real Madrid é a primeira a iniciar a atividade em Portugal e vai permitir a alunos entre os seis e os 11 anos a prática das modalidades de futebol e basquetebol, abrangendo um total de 135 alunos, divididos por cinco turmas.

“As aulas decorrem nas localidades de Monte Gordo (futebol), Vila Nova de Cacela (basquetebol), Vila Real de Santo António (futebol e basquetebol) e Castro Marim (basquetebol). Os 135 alunos já inscritos são coordenados por seis técnicos (quatro em VRSA e dois em Castro Marim)”, acrescentou a autarquia.

Antes do início da atividade, os técnicos foram submetidos a uma ação de formação realizada pela Fundação com um técnico do Real Madrid, que formou também os treinadores das restantes escolas previstas para o país e que vão abrir em Vila Nova de Gaia, Manique e Funchal, adiantou ainda a câmara.

“Além da vertente motora, a escola desportiva de integração social de Vila Real de Santo António e Castro Marim da Fundação Real Madrid tem como objetivo oferecer alternativas de lazer às crianças em situações de risco, contribuindo para o desenvolvimento da sua personalidade”, explicou.

A autarquia frisou que visa também “incentivar formas de vida saudáveis e incutir aos jovens sinalizados, pelas entidades parceiras, valores como solidariedade, espírito de equipa ou a promoção de valores éticos”.

Lusa

Pub