Pub

“As candidaturas da coligação da direita e do Partido Socialista não tomam qualquer posição clara em termos de contrariar a continuação das portagens na Via do Infante e nós achamos importante essa reivindicação”, declarou á Lusa o candidato Vítor Ruivo, á margem de uma ação de campanha na zona de Alto Rodes, Vale Carneiro e Lejanas< A mais recente ação da Comissão de Utentes da Via do Infante (CUVI) contra as portagens decorreu sábado passado com a realização de uma marcha lenta na Estrada Nacional 125 (EN125), entre Faro e o aeroporto, com o objetivo de exigir ao Governo a suspensão do pagamento de portagens

Além da marcha lenta, a CUVI realizou também, durante o mês de agosto, protestos contra as portagens junto ás casas de férias do primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, na Manta Rota, e do Presidente da República, Cavaco Silva, na praia da Coelha, em Albufeira

A estrutura protestou, ainda, contra o pagamento de portagens na A22 á porta da festa do Pontal, que assinalou a reentrada política do PSD após as férias e contou com a presença de Passos Coelho, a 16 de agosto, em Quarteira

Os adversários de Vítor Ruivo, que se candidata pelo BE, á Câmara de Faro são o social-democrata Rogério Bacalhau (PSD/CDS-PP/MPT/PPM), Paulo Neves (PS), o independente José Vitorino, António Mendonça (CDU) e Vítor Silva do movimento Partido Pró-Vida (PPV)

As eleições autárquicas estão marcadas para o próximo domingo, dia 29

Pub