Breves
Inicio | Sociedade | Campanha solidária de cadeia de supermercados angariou quase 5.000 euros para a Cáritas do Algarve

Campanha solidária de cadeia de supermercados angariou quase 5.000 euros para a Cáritas do Algarve

Donativo_lidl_caritas_algarve
Carlos Oliveira, presidente da Cáritas Diocesana do Algarve (D), com Elias Humboldt e Vanessa Romeu, respetivamente, diretor geral da Regional Sul e diretora de Comunicação da cadeia de supermercados

A campanha de angariação de fundos em favor da Cáritas Diocesana do Algarve e de mais três outras instituições de solidariedade social que apoiam jovens mães desfavorecidas através da venda de um livro de receitas resultou na entrega de 4.930 euros a cada uma das entidades.

O montante da iniciativa, promovida por uma conhecida cadeia de supermercados, foi entregue no passado dia 7 de agosto ao presidente da Cáritas algarvia.

A campanha consistiu na venda de um livro de receitas exclusivas do chef Hernâni Ermida dedicado às mães no âmbito da celebração do Dia da Mãe, no passado dia 4 de maio.

A publicação, intitulada “Para a Melhor Mãe do Mundo”, esteve à venda em todo o país, nas lojas da cadeia de supermercados em causa pelo valor de 1 euro e 99 cêntimos, sendo que a totalidade deste montante reverteu para as instituições beneficiárias que combatem a pobreza e exclusão social, prestando apoio familiar, bem como informando e ajudando mães em situação de vulnerabilidade social e económica.

No total, foram angariados 19.721.74 euros através da venda dos livros, sendo que, para além da Cáritas do Algarve, foram igualmente beneficiárias do projeto a Ajuda de Mãe, em Lisboa, a ADAV – Associação de Defesa e Apoio da Vida de Coimbra e Associação de São José – Centro de Apoio à Vida, em Braga.

O projeto foi ainda apadrinhado por conhecidas figuras públicas como a atriz Núria Madruga, a apresentadora Rita Andrade ou a animadora de rádio Ana Galvão.

Integrada na ajuda e apoio aos sectores mais desprotegidos da população, a valência SOS Vida da Cáritas Diocesana do Algarve, acolhe mulheres grávidas que querem ter os seus filhos e não têm condições para tal, muitas delas abandonadas pelas famílias e vítimas de maus-tratos por parte dos companheiros.

Verifique também

Fogo em Tavira obriga a cortar Via do Infante, mas trânsito já reabriu

Um incêndio florestal deflagrou hoje na zona da Eira da Palma, em Tavira, no Algarve, …