Breves
Inicio | Política | Centro de Medicina de Reabilitação do Sul não volta a ser gerido em PPP

Centro de Medicina de Reabilitação do Sul não volta a ser gerido em PPP

Centro_medicina_reabilitacao_algarveO ministro da Saúde garantiu ontem que o Centro de Medicina de Reabilitação do Sul (CMRS), que foi gerido em modelo Parceira Público Privada (PPP), não voltará a este modelo e será integrado numa Entidade Pública Empresarial (EPE).

Esta unidade especializada da rede de referenciação hospitalar de medicina física e de reabilitação do Serviço Nacional de Saúde (SNS) foi gerida por uma PPP entre a Administração Regional da Saúde (ARS) do Algarve e o Grupo Galilei, tendo este contrato terminado em novembro de 2013.

Adalberto Campos Fernandes, que está hoje a ser ouvido na Comissão Parlamentar da Saúde, garantiu aos deputados que esta unidade de saúde não vai voltar ao modelo PPP e que está a ser realizado trabalho com vista à sua integração numa EPE.

O contrato PPP do CMRS durou sete anos, entre 26 de outubro de 2006 e 26 de outubro de 2013.

O objetivo do contrato de gestão original tinha por objeto principal a instalação e exploração do centro, a manutenção e a conservação do edifício e a prestação de serviços de saúde de medicina física e reabilitação.

Verifique também

Câmara de Loulé faz proposta para limitar urbanismo em zona central de Quarteira

O executivo camarário de Loulé vai propor, na reunião de hoje, a criação de uma …