Pub

AlgemadaA GNR de Loulé anunciou hoje a detenção, na quarta-feira, de uma mulher suspeita de dar sedativos a homens para depois os roubar, crime que terá praticado em várias zonas do país e em Espanha.

Em comunicado, a GNR adiantou que a mulher foi detida em Benavente (distrito de Santarém) na sequência de uma investigação que teve origem num roubo em Quarteira.

Na ocasião, a suspeita, depois de estabelecer contacto com um homem numa loja e de o aliciar para terem relações sexuais, deu-lhe uma bebida – já em casa dele – com um medicamento à base de benzodiazepinas (ansiolíticos usados como sedativos), referiu a polícia.

Com a vítima sedada, a mulher, de 56 anos e com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime em Portugal e em Espanha, roubou-lhe dinheiro e objetos em ouro existentes na habitação, acrescentou a GNR.

Além da detenção, a GNR realizou buscas domiciliárias a duas habitações, em Marinhais e na Chamusca, durante as quais apreendeu quatro embalagens de medicamentos (usados como sedativo nas vítimas), 26 munições de diversos calibres, um telemóvel roubado e comprimidos de ‘ecstasy’ (droga psicoativa).

Depois de ter sido presente a tribunal, a mulher ficou obrigada a apresentar-se três vezes por semana à polícia e proibida de sair da sua área de residência.

A operação contou com a colaboração dos Núcleos de Investigação Criminal (NIC) de Coruche e de Torres Novas e ainda dos postos territoriais da GNR de Marinhais e Benavente.

A GNR aproveitou ainda para apelar a que eventuais vítimas deste tipo de crime, caso ainda não o tenham denunciado, contactem o Destacamento Territorial da GNR de Loulé.

O inquérito foi conduzido pelo Departamento de Investigação e Ação penal (DIAP) de Faro.

com Lusa

Pub