Pub

O Secretariado Nacional da Educação Cristã (SNEC) iniciou ontem a emissão de sessões diárias do projeto ‘Catequese em nossa casa’ no canal do portal Educris no YouTube.

“As catequeses são dirigidas às crianças que as poderão acompanhar juntamente com a família, de preferência, tendo consigo o catecismo”, explicou o diretor do SNEC, o professor Fernando Moita, em comunicado enviado à Agência Ecclesia.

‘Catequese em Nossa Casa’, com a duração de cerca de 20 minutos, tem emissão marcada às 18h30, de segunda-feira a sábado, correspondendo ao 3.º bloco de cada um dos catecismos da infância.

“Na segunda-feira teremos o 1.º catecismo, na terça-feira é a vez do 2.º catecismo e assim sucessivamente até sábado”, acrescentou o diretor do SNEC.

A iniciativa conjunta do Secretariado Nacional da Educação Cristã, o Sector da Catequese do Patriarcado de Lisboa (SCL) e Agência Ecclesia vai proporcionar encontros para catequizandos do 1.º ao 6.º catecismo, até ao próximo mês de junho.

“Normalmente olhamos para a catequese como uma estrutura antiga e pesada. A verdade é que este tempo tem revelado uma grande dinâmica a nível paroquial, diocesano e nacional, e esta é mais uma proposta para ajudar”, salientou o diretor do SCL.

O padre Tiago Neto disse ser fundamental “não encher as pessoas com propostas extras”, porque a catequese “já tem um programa e um plano formativo”.

“Podemos esperar novidades e interatividade entre a sessão de catequese e as crianças que nos acompanharem”, realçou o sacerdote do Patriarcado de Lisboa.

Já o diretor do Secretariado Nacional da Educação Cristã acrescenta que esta proposta “não substitui o que está a ser realizado pelas paróquias e dioceses, através do trabalho valioso dos catequistas”.

“Quer ser um complemento e chegar aos que estão mais isolados ou desanimados”, assinala o professor Fernando Moita.

Cada sessão de catequese vai ser preparada e apresentada por um catequista, com dinâmicas próprias de cada catecismo, e pode ser acompanhada com a hastag (marcador) #catequesemnossacasa, com mais informações no sítio www.educris.com.

Ecclesia

Pub