Pub

Um homem que desapareceu por volta das 06:00 de sábado passado, em Ribeiro do Arade, S. Bartolomeu de Messines, foi encontrado morto.

A vítima era um militar da GNR reformado, com cerca de 60 anos e o seu corpo foi encontrado cerca das 10:30 de sábado por um binómio cinotécnico (um militar e um cão de busca) na zona entre a barragem do Funcho e a barragem de Odelouca, adiantou fonte da GNR.

Nas buscas, estiveram militares da GNR e elementos das corporações de bombeiros de Vila Real de Santo António, Monchique, Lagoa, Portimão e Messines.

Uma fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro adiantou à Lusa que tinha sido encontrado um veículo abandonado em Ribeira do Arade sem ninguém no interior, que se veio a verificar que era da vítima.

Segundo a GNR, o homem terá sido arrastado pelas águas da ribeira quando tentava atravessar a ribeira com o seu jipe. “Suspeita-se de que ao atravessar a ribeira tenha sido levado pela corrente, quando tentava sair do carro”, adiantou à Lusa fonte da GNR.

com Lusa

Pub