Pub

gnr_roubo_almancilA GNR anunciou ontem a recuperação, em Almancil, de mais de 200 objetos furtados em assaltos a várias residências nas zonas de Almancil, Loulé e Quarteira.

Em declarações à Lusa, fonte do comando de Faro da GNR referiu que os objetos – entre os quais 27 telemóveis, 22 relógios e dezenas de joias – terão sido furtados de mais de uma dezena de casas situadas naquelas áreas do concelho de Loulé.

Os suspeitos, de 21 e 28 anos, já constituídos arguidos e sujeitos a termo de identidade e residência, estão ainda indiciados pelo crime de detenção de arma proibida, tendo-lhes sido apreendido um sabre e um bastão extensível, refere a GNR em comunicado.

Os objetos foram recuperados na terça-feira durante uma busca domiciliária numa casa em Almancil, realizada com o apoio de militares do Destacamento de Intervenção de Faro.

No decorrer da operação, resultante de um inquérito a cargo do Departamento de Investigação e Ação Penal de Loulé, foram ainda apreendidos discos externos, binóculos, máquinas fotográficas e outro equipamento eletrónico.

Pub