Inicio | Sociedade | Hospital de Faro diz que casos urgentes e utentes internados são operados

Hospital de Faro diz que casos urgentes e utentes internados são operados

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

O Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA) afirmou hoje que a suspensão da “atividade cirúrgica eletiva” no Hospital de Faro é temporária e que vão ser operados todos os utentes com indicação urgente e os internados com agendamento cirúrgico.

Numa nota enviada à agência Lusa, o hospital de Faro esclareceu que a suspensão da atividade de cirurgia eletiva, desde as 16:00 de quinta-feira e até ao dia 21 (terça-feira), se aplica apenas a cirurgias programadas que, após análise clínica, “podem ser reagendadas sem comprometer o doente”.

“Todos os utentes com indicação cirúrgica urgente e os internados com agendamento serão operados” no Hospital de Faro, lê-se na nota.

De acordo com o CHUA, a suspensão temporária “resulta de uma decisão interna provocada pela ocupação elevada” na unidade hospitalar da capital do distrito de Faro, prevista no Plano de Contingência.

A notícia da suspensão das cirurgias programadas no Hospital de Faro foi avançada hoje pela TSF.

De acordo com o CHUA, no Hospital de Portimão a situação de ocupação elevada já está ultrapassada, não tendo a decisão da suspensão efeitos nas cirurgias agendadas para aquela unidade de saúde do barlavento do Algarve.

Verifique também

PJ detém militar suspeito de abusar sexualmente de menor no concelho de Tavira

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção, na quinta-feira, de um militar de 25 …

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.