Breves
Inicio | Cultura | Igreja de Alte foi classificada como Imóvel de Interesse Público

Igreja de Alte foi classificada como Imóvel de Interesse Público

Igreja_alteA igreja de Nossa Senhora da Assunção, em Alte, foi classificada como Imóvel de Interesse Público, através da Portaria nº616/2013, publicada no Diário da República, 2ª série, Nº182, de 20 de setembro passado.

Igreja_alte_interiorA origem da igreja matriz de Alte remonta à época da reconquista do Algarve, em pleno século XIII, quando ali foi fundada uma pequena ermida. O templo atual data já da primeira metade do século XVI, constituindo construção típica do ciclo manuelino tardio difundido na região, embora o interior tenha sofrido uma profunda intervenção oitocentista.

Entre os elementos quinhentistas conservados, que incluem a estrutura do corpo e da cabeceira, merece especial referência o portal principal e a moldura do portal do campanário, esta constituindo um dos raros vestígios renascentistas do concelho de Loulé.

Da campanha barroca e rococó, que atualizou e enriqueceu o templo com numerosos retábulos e painéis de azulejos, sobressaem o retábulo seiscentista da capela de Nossa Senhora do Monte do Carmo e os painéis azulejares da capela-mor, apresentando composições figurativas e padrões vegetalistas.

Para além do valor arquitetónico e artístico da igreja, destaca-se o facto de ter funcionado como polo estruturante do crescimento urbanístico da localidade, permanecendo hoje em dia como o edifício com maior valor patrimonial de Alte.

A classificação desta igreja como Imóvel de Interesse Público vem realçar o seu interesse como testemunho simbólico e religioso, o seu valor estético e material intrínseco e a sua conceção arquitetónica.

Verifique também

“Estuário” da algarvia Lídia Jorge vence XXIV Grande Prémio de Literatura DST

A escritora algarvia Lídia Jorge, natural de Boliqueime, é a vencedora do XXIV Grande Prémio …