Pub

"Vai ser um jogo muito difícil, diante de uma equipa muito forte em termos técnicos e físicos e bem orientada, que neste momento luta por objectivos diferentes dos nossos", referiu Jorge Costa, na antevisão ao encontro, realizada em Vila Real de Santo António, onde a equipa tem treinado para poupar o Estádio José Arcanjo.

Será o reencontro entre as duas equipas que conseguiram a subida ao escalão principal na época passada, com vantagem para os algarvios, campeões da Liga de Honra, embora tenham sido goleados na deslocação a Leiria, por 5-1.

O técnico dos "rubro-negros" assegura que a sua equipa "vai fazer um bom jogo, lutando pelos três pontos", mostrando-se contudo preocupado com o eventual mau estado do relvado do Estádio Dr. Magalhães Pessoa.

"Espero que a relva esteja em boas condições. A minha equipa rende mais e explana melhor o seu futebol quando consegue fazer a bola rolar", explicou Jorge Costa.

Depois de uma série de 14 jogos sem vitórias, o triunfo diante da Naval "trouxe mais confiança ao plantel", mas não mudou a perspectiva do treinador: "Estive sempre confiante na equipa, nunca demonstrando preocupação com os resultados menos positivos".

Quanto às contratações de inverno – Lionn, Delson e Yazalde -, o treinador do Olhanense afirmou que "reforçaram a qualidade do plantel".

"Está mais competitivo, com mais soluções e dá-me plenas garantias para o futuro. Fico muito contente, mesmo que até segunda-feira não haja mais mexidas", referiu.

Em relação aos convocados, realce para o regresso de Djalmir, que cumpriu três jogos de castigo depois de ter sido expulso na recepção ao Benfica (2-2).

Os reforços Delson e Yazalde também integram pela primeira vez a lista de convocados, podendo estrear-se diante dos leirienses, enquanto Pietravallo não pôde ser opção, por lesão.

A União de Leiria, sexta classificada com 23 pontos, recebe o Olhanense, 14.º com 14 pontos, em jogo marcado para sábado, às 16.00, com arbitragem de Luís Reforço (Setúbal).

Lista dos 18 convocados:
– Guarda-redes: Ventura e Ricardo Ferreira.
– Defesas: Lionn, João Gonçalves, Anselmo, Sandro, Tengarrinha e Carlos Fernandes.
– Médios: Castro, Delson, Rui Baião e Rui Duarte.
– Avançados: Djalmir, Zequinha, Paulo Sérgio, Ukra, Yazalde e Rabiola.

Pub