Inicio | Igreja | Jornadas Nacionais de Comunicação Social refletem sobre escrita criativa e partilha de conteúdos

Jornadas Nacionais de Comunicação Social refletem sobre escrita criativa e partilha de conteúdos

O Secretariado Nacional das Comunicações Sociais vai promover as Jornadas Nacionais de Comunicação Social nos dias 28 e 29 de setembro, com formação prática sobre “criatividade na produção de conteúdos” e ferramentas de partilha de informação.

A iniciativa vai decorrer em Lisboa, no Auditório da Renascença Multimédia, junto à nova sede da Conferência Episcopal Portuguesa, na Quinta do Bom Pastor, Benfica.

Numa carta enviada aos órgãos de comunicação social, o presidente da Comissão Episcopal da Cultura, Bens Culturais e Comunicações Sociais referiu que, “mais do que cumprir um compromisso do calendário”, o secretariado que promove e organiza estas jornadas quer que sejam uma “partilha de competências”.

“Propomos umas Jornadas de Comunicação Social essencialmente práticas, onde o uso do Twitter, Facebook, Instagram, WhatsApp e outras redes sejam o ambiente informativo e comunicativo”, afirma D. João Lavrador.

“Atualmente a comunicação é mais uma ocasião de partilha do que de difusão, onde as redes sociais adquiriram um papel central, a exigir o seu uso de acordo com as estruturas de cada uma e os públicos a que queremos chegar”, acrescenta o bispo de Angra.

Na carta enviada aos órgãos de comunicação social, D. João Lavrador refere ainda que o Secretariado Nacional de Comunicações Sociais vai promover, no decorrer das jornadas, a “Mostra Multimédia, este ano “destinada exclusivamente a projetos que estejam relacionados com o uso das redes sociais”.

Após a sessão de abertura, presidida pelo bispo de Angra, decorre, a partir das 15h00, o workshop ‘O valor dos conteúdos’, com duas intervenções: escrita criativa, por Margarida Fonseca Santos, escritora; e linguagens multimédia, por Maria João Cunha, da chefia de redação/digital da Renascença Multimédia.

Às 17h00, Eduardo André, das Redes sociais e comunidades do Observador, dirige o workshop ‘Partilha nas redes sociais’.

Duas horas depois tem lugar a apresentação do livro ‘Igreja e sociedade em rede’, do padre Miguel Neto, da Diocese do Algarve, pelo padre Américo Aguiar, diretor do Secretariado Nacional das Comunicações Sociais.

Às 19h30 é possível fazer intervenções breves no auditório sobre os produtos e projetos da ‘Mostra Multimédia’, mediante planificação junto da organização.

O programa do dia 29 começa pelas 10h00, com a conferência ‘Informar no ambiente das redes sociais’, por José Manuel Fernandes, publisher do Observador, seguida de debate.

A inscrição nas jornadas tem um custo de 15 euros; é possível reservar alojamento e refeições no Seminário Nossa Senhora de Fátima (Alfragide): refeições – 8 euros; apa individual – 17 euros; e apa duplo – 20 euros.

A inscrição nas jornadas e a reserva de alojamento e refeições pode ser feita no site da iniciativa, www.ecclesia.pt/jornadas2017, onde se disponibilizam o programa dos trabalhos e outras informações.

Verifique também

Igreja do Algarve vai dar formação básica a novos catequistas

O Sector da Catequese da Infância e Adolescência da Diocese do Algarve promove a partir …