Inicio | Ambiente | Jovens assistiram na Jornada Diocesana da Juventude a libertação de cegonha que tinha sido baleada

Jovens assistiram na Jornada Diocesana da Juventude a libertação de cegonha que tinha sido baleada

Jdj_2017 (143)
Foto © Samuel Mendonça

A Jornada Diocesana da Juventude, realizada em Olhão, incluiu no passado sábado a libertação de uma cegonha tratada pelo Centro de Recuperação e Investigação de Animais Selvagens (RIAS) que foi encontrada ferida por ter sido baleada.

Jdj_2017 (131)
Foto © Samuel Mendonça

O animal chegou ao RIAS em meados do passado mês de Março após ter sido encontrada em Faro. “É uma cegonha que suspeitamos que tenha levado um tiro porque tinha muitos hematomas no corpo todo e muitos buraquinhos nas penas”, explicou Fábia Azevedo, bióloga e coordenadora do RIAS, justificando não ter sido possível confirmar a suspeição porque o raio-x do centro está avariado.

Jdj_2017 (133)
Foto © Samuel Mendonça

Após ter sido mostrada de perto ao grupo de jovens que realizou um jogo de pistas no Parque Natural da Ria Formosa, que decidiu chamar-lhe ‘Maria’, a ave foi então devolvida à natureza.

Jdj_2017 (135)
Foto © Samuel Mendonça

O RIAS – o único centro no Algarve que recebe e trata de animais selvagens – acolhe mais de 1500 aves, mamíferos, répteis e anfíbios por ano. “Se algum dia encontrarem animais feridos podem vir trazer cá ou deixar num posto da GNR”, explicou Fábia Azevedo, que convidou ainda os jovens interessados a fazer voluntariado naquele centro.

Jdj_2017 (137)
Foto © Samuel Mendonça
Jdj_2017 (139)
Foto © Samuel Mendonça
Jdj_2017 (146)
Foto © Samuel Mendonça
Jdj_2017 (147)
Foto © Samuel Mendonça
Jdj_2017 (148)
Foto © Samuel Mendonça

 

Verifique também

Cavalos-marinhos da Ria Formosa podem ter refúgios com videovigilância em 2020

Em 2020 vão ser criadas duas zonas de proteção para os cavalos-marinhos da Ria Formosa, …

Folha do Domingo

GRÁTIS
BAIXAR