Pub

Foto © Samuel Mendonça

Decorrerá amanhã, 4 de abril, pelas 17.30h, nas instalações da Ordem dos Advogados, em Lisboa, no Largo de São Domingos, a apresentação do livro intitulado “Processo Judicial de Jesus Nazareno – Reforma de Autos”, da autoria de Valério Bexiga.

O livro do advogado aposentado e ex-presidente do Conselho Regional de Faro da Ordem dos Advogados, publicado novembro do ano passado pela brasileira Juruá Editora, está dividido em três e contém um estudo exaustivo sobre todas as perspetivas históricas e documentais sobre as circunstâncias históricas que envolveram o processo de Cristo.

Deste modo, a publicação ao longo das suas 1256 páginas detém-se na enumeração e exegese das fontes históricas, a começar pelas referentes à própria existência e qualificação de Jesus de Nazaré. Apresenta ainda um estudo técnico-jurídico dos ramos de Direito Penal, Processo Penal e Organização Judiciária das Ordens Jurídicas hebraica e romana, vigentes na Província da Judeia na primeira metade do século I e pretende o apuramento dos factos, alegadamente criminosos, de Jesus e respetiva subsunção jurídica, que constituíram a fundamentação de facto e de direito da “sentença” condenatória de Pilatos.

O autor nasceu em 18 de outubro de 1937, na freguesia da Bordeira, no concelho de Faro. Licenciado em Direito, abriu escritório na cidade de Faro, onde, durante quase meio século, desempenhou a sua profissão de advogado. Foi também presidente do Conselho Regional de Faro da Ordem dos Advogados.

A publicação foi apresentada em Faro na sede daquele conselho em dezembro do ano passado, tendo sido apresentado pelo professor Joaquim Romero Magalhães e pelo procurador da República João Luís Gonçalves.

Em Lisboa, o livro será apresentado pelo advogado Carlos Pinto e Abreu.

Pub