Inicio | Ambiente | Loulé acolhe “FénixHack” para criar tecnologia aplicada na gestão de fogos florestais

Loulé acolhe “FénixHack” para criar tecnologia aplicada na gestão de fogos florestais

A cidade de Loulé vai acolher entre 13 e 15 de julho o “FénixHack”, evento que pretende reunir programadores informáticos que desenvolvam tecnologia para ser aplicada na prevenção e combate aos incêndios florestais.

“Trata-se de uma iniciativa pioneira na região algarvia, que consiste numa maratona de 48 horas, para apoiar o desenvolvimento de ideias e de novas soluções que se enquadrem na gestão dos incêndios florestais”, disse à agência Lusa, Inês Boski da organização.

De acordo com a responsável, o “FénixHack” nasceu pela mão de um grupo de cidadãos, que decidiu colaborar para a prevenção e combate aos fogos florestais, “um flagelo que tem assumido dimensões trágicas em Portugal”.

“Queremos contribuir para a prevenção e gestão desse flagelo, juntando estudantes, peritos da indústria, assessores científicos, ativistas e representantes de organismos públicos, num exercício coletivo de criatividade com soluções de prevenção, combate, vigilância e administração”, destacou.

Cerca de 50 programadores informáticos confirmaram já a presença no “FénixHack”, certame que tem o apoio da Secretaria de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural e que vai decorrer na escola secundária de Loulé, no distrito de Faro.

Inês Boski indicou que os projetos e as melhores ideias serão premiadas, sendo posteriormente “acompanhadas por uma rede de mentores, empresas incubadoras e aceleradoras, com vista ao seu desenvolvimento e aperfeiçoamento para que possam ser utilizadas na gestão dos fogos florestais”.

As inscrições para o “FénixHack” são gratuitas e encerram na sexta-feira.

Verifique também

Levantada interdição a banhos em duas praias de Albufeira

A interdição a banhos em duas praias de Albufeira foi ontem levantada, depois de as …

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.